Símbolos


Brasão

O brasão do município obedece à seguinte forma e descrição: escudo alemão, terciado em barra ondada na cor blau (azul), representando os mananciais hídricos, especialmente o Pardinho, com seus saltos e corredeiras, rio de grande beleza que cruza o município e ponto de lazer e atração turística para os moradores da região.

A destra da barra ondada aparece à imagem do sol, em goles (vermelho) e jalde (ouro) despontando sobre as montanhas em campo sinople (verde), simbolizando a renovação da vida e da esperança de um povo aguerrido que, através de sua luta conseguiu gerar e florescer este novo município.

No flanco direito, sobreposto ao campo sinople (verde), aparecem o arado em jalde (ouro), simbolizando, o arado, a origem do município, inicialmente habitado por colonos que ali se fixaram, desenvolvendo a prática da agricultura; o livro simbolizando a busca constante da educação e do saber, molas mestras para o desenvolvimento de um povo, caracterizada pelo grande número de escolas existentes no município, a engrenagem, representando as indústrias existentes e salientando o grande potencial industrial da região.

A sinistra da faixa ondada, sobre campo prata (branco), aparece a reprodução do Escudo Alemão, cruzado por duas lanças, tendo nas pontas estandartes com as cores do Rio Grande do Sul, representando a origem germânica de grande parte de seus habitantes e a manutenção de suas tradições, através de grupos de danças folclóricas e corais, bem como o cultivo das tradições gaúchas, indicadas através das lanças com estandartes, representando também a integração dos povos que colonizaram a região.

A destra e a sinistra do escudo aparecem flores e folhas de fumo e folhas e espigas de milho nas cores sinople (verde) e jalde (ouro), simbolizando a agricultura, praticada principalmente em pequenas propriedades, fonte de riqueza e geradora de trabalho, constituindo-se em um dos pilares de economia do município.

 

Bandeira


A bandeira do município terá como cores oficiais o azul, o branco e o verde, sendo cortada em diagonal por duas faixas em fundo azul, ficando os triângulos que se formam externamente a estes, na cor verde e a parte central em branco, respectivamente:

  • O azul, a beleza das águas e do céu, que privilegiam o município;
  • O branco, a fraternidade e a fé;
  • O verde, a fertilidade de seu solo e o progresso econômico representado pela agricultura.

 

Hino


Homens corajosos um dia aqui chegaram,
As matas e florestas desbravaram,
Trouxeram seu legado na lembrança,
No coração, muita fé e esperança.
Os imigrantes, com determinação,
Muita luta, garra e dedicação,
Alcançaram esplêndida vitória,
Construindo inesquecível história.

Refrão

Sinimbu, de encantos mil,
De um povo hospitaleiro e gentil!
Onde há progresso e reina o amor
Sob as bênçãos de Nosso Senhor!

II
As dificuldades, com trabalho enfrentaram
E em Deus fielmente confiaram,
Entre risos e lágrimas vertidas,
Muitas sementes do futuro eram lançadas.
E implantaram cultura e tradição,
Ricas marcas do povo deste chão.
Preservaram união e amizade,
Que cultivamos com felicidade.

III
Campos floridos, morros, mananciais,
Cascatas, rios, presentes naturais,
Suntuosos templos, belas construções,
São maravilhas que despertam emoções.
Oh, Sinimbu! Grandiosa e querida,
Que tu sejas para sempre iluminada!
Teu solo dadivoso e amigo
É orgulhoso do povo aqui nascido!