Projeto Municipal irá qualificar a água em propriedades rurais de Sinimbu


Publicado em 08/02/2018 Gabinete do Prefeito Secretaria de Educação Cultura e Turismo Secretaria de Agricultura Indústria Comércio e M Secretaria da Saúde e Bem Estar Social Fonte: Aline Haag


Com o objetivo de promover o uso sustentável das nascentes a partir da implementação de técnicas de proteção destes afloramentos superficiais e recuperação da sua mata ciliar, contribuindo a curto, médio e longo prazo para ampliar a qualidade e disponibilidade das águas, será oportunizado, a partir de março de 2018, o Projeto Berço das Águas aos agricultores do município de Sinimbu. O Projeto é uma parceria entre a Emater/RS-Ascar e a Prefeitura de Sinimbu e é parte integrante do Programa Municipal de Uso Sustentável da Água e do Solo que, desde 2017, vem orientando e motivando os agricultores a optarem por práticas de manejo sustentável de solo e água.

Em 2017 o foco do Programa foi às práticas de conservação e recuperação de solo. Para 2018, além da continuidade ao trabalho de cuidado com o solo, será dado destaque às ações referentes à água por meio do Projeto Berço das Águas que se preocupa com a sustentabilidade ambiental das propriedades rurais, que engloba questões sociais, ambientais e econômicas. Segundo a extensionista social da Emater/RS-Ascar e idealizadora do Projeto, Paula Sabrina Mallmann, as nascentes constituem a principal e muitas vezes a única fonte de água para algumas famílias. “A recuperação de nascentes deve trazer consigo a importância de uma estratégia de proteção, monitoramento e captação das suas águas que evite a degradação do ponto de afloramento e, ao mesmo tempo, possibilite o uso sustentável pela população”, explica Paula.

De acordo com dados da Prefeitura de Sinimbu, existem no município 1.345 ligações públicas de água. E, considerando dados divulgados pelo censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), esse número representa menos de 50% das propriedades rurais existentes, o que faz com que a água utilizada pela maioria das famílias residentes no meio rural seja de nascentes difusas e de encosta.

O Programa Berço das Águas prevê a execução de ações como o diagnóstico da situação atual de conservação e proteção das nascentes, elaboração do Boletim Técnico para avaliação das estratégias de preservação e/ou recuperação e proteção das nascentes, elaboração de Roteiro Técnico de orientação às famílias, construção e manutenção da estrutura de proteção da nascente, cercamento do perímetro da APP - Área de Preservação Permanente - da nascente, reembolso referente à compra dos materiais utilizados na proteção da nascente, realização de plantios de enriquecimento e/ou estímulo à regeneração natural em APP’s no entorno de nascentes, monitoramento de qualidade e quantidade de água e ações de mobilização social, sensibilização, capacitação e educação ambiental.

Para participar do Programa agricultores do município podem fazer as inscrições a partir do mês de março no Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar. Para o mesmo período, a Instituição e a Prefeitura de Sinimbu irão promover ações de divulgação do Programa e também 12 encontros técnicos em diferentes localidades do interior do município, onde serão abordados temas sobre a preservação das nascentes, prática de coleta de solo e benefícios da correção de fertilidade do solo. O Programa busca novos parceiros que queiram contribuir com apoio técnico e financeiro.

PrefeituraSinimbu
Projeto Berço das Águas está sendo desenvolvido pela Emater/RS-Ascar e a Prefeitura de Sinimbu. (Divulgação)